Mensagens

07/03/2017

O Rio de Deus (Pra. Flávia Arrais)

Há lugares ainda mais profundos que você ainda não experimentou, há revelações ainda mais preciosas que o Pai anseia compartilhar com você!

Ezequiel 47 nos conta a experiência do profeta quando este teve uma visão de um rio de águas purificadoras.

Deus usou um Anjo para guiar o profeta Ezequiel. Por quatro vezes o anjo mediu cuidadosamente mil côvados, conduzindo Ezequiel por estágios. O primeiro estágio o levou onde as águas lhe davam nos tornozelos. O profeta ficou maravilhado! Quando experimentamos o mover das águas de Deus em nossas vidas ficamos completamente maravilhados, porém este é apenas o início do mergulho em Deus. A Bíblia nos conta que então o Anjo conduzia Ezequiel novamente a um novo nível de águas mais profundas.

Não sei onde você está no rio de Deus, só sei dizer que ainda há mais! Há lugares ainda mais profundos que você ainda não experimentou, há revelações ainda mais preciosas que o Pai anseia compartilhar com você! Não se satisfaça com o mínimo de Deus! Talvez sua experiência anterior foi tão maravilhosa que você ainda está ligado a ela. Existem pessoas que tem um grande potencial em Deus, mas não conseguem ir mais profundo, se contentam em ter água nos tornozelos, e ali permanecem brincando na “piscininha de criança”.

Há muitas pessoas frustradas, levando seu chamado como um fardo, vivendo em eternos desertos por que ficam remando junto à margem. Precisamos mergulhar mais nessas águas!

É interessante que o Anjo,  com a vara de medir, levava Ezequiel apenas 1.000 côvados de cada vez, em quatro estágios.

Por que simplesmente Deus não o levou diretamente no lugar mais profundo do rio, na plenitude das águas?

Deus compreende cada um dos seus filhos e como agir com cada um de nós. Ele não “nos atira ao fundo do rio” logo de imediato. Crescimento espiritual e maturidade são coisas que levam tempo. O Anjo foi instruído a medir e então se mover. Assim também nosso Pai celestial faz conosco. Mede individualmente nossa capacidade e depois nos conduz. Talvez se Ezequiel tivesse percorrido logo os 4.000 côvados tivesse se afogado. Mas, então,  ele foi conduzido há um mergulhar progressivo.

O Senhor nos faz avançar com gentileza. Ele quer que avancemos em conhecê-lo e não corramos desvairados, tropeçando pelo caminho!

Minha mãe resolveu depois dos 50 anos que queria aprender a nadar. Ela sempre ficou um pouco frustrada quando todos nadavam com facilidade e ela não podia mergulhar. Todas as vezes que passeávamos por catamarã ou em um rio, todos pulavam alegremente e ela tinha que ficar ali, só olhando. Ela é muito ativa e gosta muito de aventuras, trilhas, descobrir cachoeiras. Era engraçado vê-la às vezes tentar com todas as suas forças lutar contra as águas, se debater e então ter que desistir. Então, ela resolveu que iria se matricular na natação. Esse era seu novo grande desafio: aprender a nadar! Um dia ela chegou em casa sorridente contando-me como tinha sido seu primeiro mergulho e as primeiras braçadas. Ela disse: “eu já consigo até nadar, mergulhar, ficar tranquila.... É só deixar a água te levar”.

Às vezes nós queremos nadar no rio de Deus e ao mesmo tempo nos debatemos, queremos nadar “contra a maré”, contra a direção de Deus para nossas vidas. Como resultado disso ficamos ofegantes, cansados, a ponto de desistir. Não lute contra Deus! Deixe as águas do Espírito te levarem, te conduzirem. Quando nadamos no Espírito as águas nos carregam. Nadar tira o peso dos nossos pés, faz o nosso corpo relaxar, tira o peso das nossas costas! Se permitirmos, Deis irá nos conduzir através do seu rio e nosso trabalho será fluir em suas águas.

Nessa visão, Ezequiel mergulhou nestas águas profundas. Todos os que descobrem este segredo terão sua vida e ministério transformados.

Quando Ezequiel foi levado de volta à margem do rio teve uma grande surpresa ao olhar em seu redor e observar que havia “grande abundância de árvores, de um lado e de outro” Ez 47:7.  Ele agora via uma coisa que não havia observado quando ele entrara no rio – árvores. Enquanto Deus mudava Ezequiel no Seu rio, o Senhor transformava, ao mesmo tempo, toda a paisagem à sua volta.

As condições mudam com gente ungida e com uma igreja ungida! Não fomos criados para estar à margem do rio e sim para sermos homens e mulheres do rio!

Se estivermos no Espírito seremos invencíveis, conquistadores! E mais poderoso ainda é saber que enquanto experimentamos da Sua presença, toda circunstância é mudada ao nosso redor. Nossa família, nossa vida profissional, as pessoas que estão ao nosso redor são tocadas!

Você sabe o que fez toda a diferença entre Davi e o exército Israelita no confronto com Golias? Posso dizer a você que não foi fé! Aqueles homens faziam parte do exército de Deus, criam na promessa de Deus, tinham a arca da aliança! O problema é que eles não agiam de acordo com sua fé! Não tinham a unção! A unção na vida de Davi foi o que fez toda a diferença e fez com que um menino se levantasse com autoridade e destronasse seu inimigo. A unção é a habilidade para fazer aquilo que você naturalmente não conseguiria, mas que pelo poder sobrenatural de Deus você é habilitado a fazer!

“Ninguém despreze a tua mocidade; pelo contrário, torna-te padrão dos fiéis, na palavra, no procedimento, no amor, na fé e na pureza” 1 Tm 4:12

Que tipo de crente você é? Daqueles que crêem na promessa, mas que ainda não experimentou o poder de mergulhar nas águas profundas de Deus e de ser ungido?

Busque intensamente ir mais profundo, não se deixe limitar pelas circunstâncias. Seja um habitante do Rio!

 


Pra. Flavia Arrais é médica e casada com o Pr. Fred Arrais e mãe de Ana Victoria e Samuel. É pastora do ministério MAIS QUE CANÇÕES MUSIC e Rede Mais que Canções na Igreja Batista do Angelim. Juntamente com seu esposo têm um ministério itinerante de adoração por todo o Brasil e nações,  focado na adoração profunda e íntima e levando esta geração a se render de Jesus. Atualmente é diretora da Escola de Louvor & Adoração e presidente da Comunidade Terapêutica Ágape, que atua na recuperação de mulheres dependentes químicas em São Luís-MA